Vai deixa de tristeza e deixa o sonho te levantar, acredite que é possível ainda hoje uma virada, acredite que tudo foi apenas um engano, mantenha a rota do seu barco da vida, não desista novamente, as pedras são apenas restos que a chuva trouxe... amar, viver, sonhar, acreditar, lutar e até o chorar, são fases que compõem o grande quadro chamado vida, onde a tela é a sua história, as tintas são as pessoas que passam por ela, mas, o pintor, o responsável pela obra é sempre você! (Autor desconhecido)

quinta-feira, 3 de março de 2011

Meu Primeiro Livro

Nem sei como havia esquecido, mas ainda tenho meu primeiro livro!
Aquele que me deram de presente quando ainda nem sabia ler direito. Pelo menos meu nome já sabia escrever, tanto que o escrevi na primeira folha desse livro.

Olhando nos meus guardados, achei ele amarelecido pelo tempo. Vejam o nome da relíquia... “História de Maricota”. É um livro contado em versos, bem bonitinhos, que passam a mensagem de que devemos ser bons para com nossos semelhantes e outros seres vivos.
 


Olha a capa do meu:


Maricota Serelepe
Era menina travessa...
Não havia disciplina
Que lhe dobrasse a cabeça.
Gostava de más respostas.
Na escola, em casa, nas ruas,
Vivia desordenada
A fazer sempre das suas.
Em vão, ganhava conselhos
Dos amigos para o bem.
Maricota Serelepe
Não atendia a ninguém.
Não era apenas sapeca:
Fugia a qualquer dever.
Vivia a brutalidade,
Fazia o mal por prazer [...]




Alguém ainda se lembra do seu primeiro livro? ....rsrs.

Na época eu nem poderia imaginar, mas se trata de um livro espírita, dado por uma amiga de minha mãe. Aliás, somente agora, quando lembrei dele, é que me dei por conta, pois fazia muitos anos que não o pegava nas mãos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Imagem de Mariana Britto
Sigo andando a passos largos...
...sem rumo e sem destino, apenas observando o que se passa e o que passou, o conhecimento traz prazer mas também traz dor.
Jade

Postagens populares